Seg, 05 de Agosto de 2019 14:27   -  

CGE implanta novo canal de Ouvidoria e amplia atendimentos

Imprimir

Com a missão de fortalecer a integração entre sociedade e Governo, a Controladoria-Geral do Estado do Piauí (CGE), por meio da Ouvidoria-Geral do Estado (OGE) tem buscado aperfeiçoar os canais de comunicação do Governo estadual. 

A partir de agora, o cidadão pode contar com o e-OUV, um meio totalmente informatizado que vai integrar as Ouvidorias dos órgãos e entidades do Poder Executivo. Por meio do site eouv.pi.gov.br, o cidadão pode dar sugestões e fazer elogios, reclamações, solicitações e denúncias, de uma forma mais fácil e ágil, de qualquer lugar. Para isso, basta ter acesso à internet. 

E-OUV

O sistema foi adquirido por meio de uma parceria com a Controladoria-Geral da União (CGU) e customizado através da ATI. O serviço passou por fase de adaptação junto às Ouvidorias Setoriais dos órgãos estaduais nos primeiros meses deste ano e está totalmente implantado em oito órgãos/entidades.

Já utilizam o sistema, as Secretarias de Educação, Saúde, Fazenda e Justiça, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Junta Comercial, Delegacia Geral e Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores (Iaspi).

Em pouco tempo de uso, o número de demandas atendidas ampliou significativamente. 

"A Ouvidoria-Geral do Estado está utilizando o e-OUV desde o começo do ano e agora, em julho, fizemos um treinamento com servidores das Ouvidorias Setoriais para utilizarem o sistema. Com isso, tivemos um impacto no número de manifestações cadastradas. O número de atendimentos foi quase cinco vez maior, se compararmos de janeiro até agora, ainda mais após a capacitação. São pedidos acompanhados em tempo real, manifestações de todo o Estado do Piauí", explicou a Ouvidora-Geral Soraya Castello Branco. 

De janeiro a 1º de maio deste ano, a Ouvidoria registrou 59 manifestações cadastradas no e-OUV. De maio até o primeiro dia de agosto, o número de pedidos saltou para 289. 

"É um sistema informatizado. Estamos trabalhando com demandas que vêm de todo o Estado. O tratamento dos pedidos é feito através do sistema, por onde acompanhamos o tempo de resposta, fazemos encaminhamentos, ou seja, conseguimos monitorar melhor todos os pedidos dos cidadãos para o Governo. Antes, era de forma manual e, às vezes, ficava inviável atender às manifestações no prazo. Com o e-OUV, a demanda tramita de forma mais célere, conseguimos dar a resposta no tempo hábil", avaliou. 

Em setembro, haverá uma segunda capacitação para as Ouvidorias Setoriais que já existem e novas que serão criadas, o que deve ampliar e melhorar, ainda mais, o atendimento ao cidadão. 

O Controlador-Geral do Estado, Márcio Souza, ressalta que o principal objetivo da CGE  é tornar mais eficiente o atendimento à população.

“A Controladoria-Geral do Estado tem a missão de garantir a eficiência na administração pública e nada melhor do que começar fazendo o dever de casa. Os avanços que tivemos este mês em matérias de Ouvidoria representam um pouco do nosso esforço para aumentar as entregas que fazemos à sociedade piauiense, em razão dos esforços empreendidos para melhorar a qualidade dos serviços públicos”, considerou.

Outros canais de atendimento

O Governo do Estado também disponibiliza outros canais de comunicação para o cidadão que tiver interesse em fazer qualquer manifestação. São eles: Serviço Eletrônico de Informações ao Cidadão - e-SIC (acessoainformacao.pi.gov.br), telefone 162, e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . Os atendimentos presenciais ocorrem no centro da cidade (Praça Marechal Deodoro, 790 Centro), na CGE (no Centro Administrativo) e nos órgãos que possuem núcleos de Ouvidoria Setorial.

 

Escrito por Virgínia Santos